Palavras no tempo


O projeto Palavras no Tempo recria estilos de comunicação e diálogo de outros tempos, contextualizados à nossa realidade, carente ainda de efetiva reflexão e debate, apesar do ruído dos media.

Este projeto tem a sua génese na obra “Educação, Ciência e Religião”, na sequência da qual se promoveram inúmeras sessões e debates que redundaram numa parceria entre a Universidade do Porto, a Universidade Católica e o Centro Nacional de Cultura, que patrocinam a ideia.

São dinamizadas várias conferências/debates, focadas regionalmente, com o apoio das respetivas câmaras municipais, das universidades, das escolas e de outras instituições de cada região.

Os temas em debate terão sempre presente a religião e a cultura, envolvendo o olhar reflexivo em várias áreas, perspectivado por colocações diferentes no eixo “crença/não crença”.

Com palestrantes convidados de qualidade e prestígio nas várias áreas, dinamizam-se palestras/debates, em espaços culturais variados, com temas como “Educação, Ciência e Religião”, “Razões de (des)crença”, “Workshops sobre cultura científica e religião”, “Religião e Política”, “Religião e Economia”, “Religião e Literatura”, “Religião e os Astros”, “Religião e Neurociências”, etc.

Todos os temas são pretextos de conversa e cidadania, na base comum dos direitos humanos e do respeito pela diferença. O cerne deste projeto é dialogar, no eixo da crença e da não crença. Thomas Halik diz bem que a crença e a não crença são dois olhares arriscados sobre o mesmo mistério e, quando nos abrimos, sentimo-nos muito mais próximos uns dos outros, sem rótulos, mais solidários e com mais futuro.

‘Palavras no Tempo’

Mais sobre o projeto “Palavras no Tempo”